COBERTURA MUNDIAL DE ATLETISMO DAY 3

 

 

 

Day 3

SESSÃO DIURNA
Logo cedo tem Brasil na pista, Altobeli da Silva vem na última série (3) dos 3.000m c/ obstáculos e se quiser uma vaga na final precisa melhorar sua melhor marca de 08:23:67, jogo minhas fichas num sub 08:20 para passar a final, os 3 melhores de cada série mais os 6 melhores tempos (Depois dos 9 já classificados) se qualificam à finalíssima.

 

 

 

 

 

Ainda na pista, temos mais 3 brasileiros que buscam vaga nas semis em provas com barreiras. Éder Souza nos 110m e Hederson Estefani na 1º série e Marcio Teles na última, tentam avançar nos 400m.

Já nas ruas teremos as maratonas M & W, sem presença de brasileiros.

Maratona M
Na maratona teremos aquele duelo de sempre, Quênia x Etiópia. Dessa vez a batalha está um pouco enfraquecida, já que Wilson Kipsang e Eliud Kipchoge (KEN) e Kenenisa Bekele (ETH) estão fora.

Eu vejo uma vantagem para o time da Etiópia que vem com:
Tamirat Tola, 02:04:11 PB, resultado que lhe rendeu a vitória em Dubai/2017.
Tsegaye Mekonnen, 02:04:32 PB, 3º colocado em Dubai/2016.
Yemane Tsegay, 02:04:48 PB, tempo que o levou a vitória em Roterdan/2012, no final do ano passado venceu a Maratona de Fukuoka.

O Time Quênia conta com:
Daniel Wanjiru, 02:05:21 PB, esse ano foi campeão na Maratona de Londres, vencendo K. Bekele ETH.
Gideon Kipketer, 02:05:11 PB, segundo colocado em Tóquio no início do ano.
Geoffrey Kirui, 02:06:27 PB, meia para 59:38, Nova Deli/2015.

Quem pode fazer frente ou dar trabalho?

O britânico Callum Hawkins corre em casa e com certeza vai ser empurrado pela torcida, em maratona seu melhor é 02:10:52 esse ano na mesma Londres, mas na meia atingiu um grande tempo esse ano, 01:00:00 cravado em Marugame/JPN. E falando em Japão não podemos esquecer do trio 02h08, Hiroto Inoue, Yuki Kawauchi e Kentaro Nakamoto que podem surpreender, uma vez que em mundiais os atletas correm pra vencer, diferente das Majors onde buscam tempo.

Maratona F
Muda o sexo mas o duelo é o mesmo e por aqui dificilmente as 3 medalhas não irão para Quênia/Etiópia. Shure Demise, Mare Dibaba e Aselefech Mergia pela etiópia e Flomena Daniel, Edna Kiplagat e Helah Kiprop pelo Quênia ditaram o ritmo da prova, as únicas que possivelmente acompanharam são as japoneses, Yuka Ando, Mao Kiyota e Risa Shigetomo. As russas que poderiam dar trabalho ainda continuam punidas pelo escândalo de doping.

SESSÃO NOTURNA

À noite ocorre as semis e final dos 100m rasos W e nossa torcida é para Rosangela Santos. Teremos as semis do 400m rasos com uma prévia da final, já que o sul – africano Van Niekerk e o americano Lashawn Merrit vem na mesma série. E as semis dos 800m rasos, onde Thiago André corre a série mais forte e última de um total de três, os 2 melhores de cada série passam direto a final e o restante dos atletas brigam por mais 2 vagas.

Amanhã voltamos com o que acontece no dia 4 de competições!

E não se esquece de dar uma moral pra gente. Como?

Se inscreva no canal – youtube.com/corrakoruivo
Segue noix no Instagram – @corrakoruivo & @baavalini / @roger_ruivo
E curti a page no face – facebook.com/corrakoruivo

Até a próxima time!!!

ROGER RUIVO. Maratonista, Blogger e Fundador do Corra K.O. Ruivo.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: